domingo, 23 de dezembro de 2007

Perfume floral

Eu acabrei acreditando que sou uma flor da estação. Essa que, talvez, é chamada de mania, tornou-se comum.
Uma vez eu tive orgulho de gritá-lo. "Pouco me importa se esses não gostam de mim". Me orgulho mesmo é dos raros que gostam.
Me entristece raros que esquecem.
Esquecem da vida, da aventura. E que a palavra de outros não constrói nosso interiror. (As diferenças corroem)
O que posso fazer se sou uma verbena.
"Amores imperfeitos são as flores da estação"
Toda essa história exala o aroma das flores do verão.

Um post pra começar o verão.
Sorria e coloque o maiô, o que a gente precisa agora é de vida!

2 comentários:

Anderson disse...

e imaginar que aih no Brasil eh verao...

verao... sair pra tomar sorvete com os amigos e ver o and de manga comprida aehuaehuaehueahuae xDDD

eh e eu aki nesse frio e nem nevou ainda... >.<

puts quero neve logoooooooo /o/

^^

te amo may e desculpa aih o tempo sem postar xD

como eu jah disse tava sem net xDD aeheuaheahueahuae ^^

beijooo

Juh disse...

Feliz verão pra gente =D

TE amo Xuh
=*