segunda-feira, 21 de janeiro de 2008

Nossa última chance

Aquelas coisas que deixei passar são, agora, a minha confirmação. Nem tudo é realmente o que é. Nem eu sou mais tão criança ao ponto de sofrer por isso, eu aprendi.
E o perfume floral que ganhei é o teu cheiro naquela tarde em que o Sol se despedia e eu podia dormir tranqüila, agora eu posso voltar a acreditar.
Eu queria fazer algo por você em resposta. Sendo sincera é o mínimo. Você é o real culpado por muitas coisas, principalmente, pelas melhores.


"De longe o aspecto daquele pássaro
Que vai embora pulando sobre os céus
Sempre me lembra um grande amor"

4 comentários:

Bubbles disse...

Aí vc vem e me pergunta o que eh vc se eu existo XD

bjssss!

Juliana Bonetti disse...

Xuh, eu ainda não entendi o porque do "sim ou não"
dasuidhuaishd

Te amo e nem preciso comentar uhsdiuahsd

And xD disse...

eita como faz tempo que nao apareco aki... desculpa neh? eh que ando muito esquecido xD

e tentei ligar pra vc nessa semana soh que nao consegui xDD

bom axo que ligo semana que vem soh que vou estar de noite aki... ou seja manha pra ti xDDD

daih vejo contigo quando tu tah em casa xD

beijaaaaao may! e gomen nao comentar sobre o blog eh que to pouco intelecto hoje xD

mas outro dia eu comento com mais calma pra compensar os dias sem vir e comentar i__i

te amo amo amo amo amo amo amoooooo! \o\

cuide-se! ^^

Mariana Guerra disse...

Fera, eu mesma já consegui responder.
Pareço uma Bruna Surfistinha.
Minhas internas são nada comparado à Suave.