domingo, 10 de fevereiro de 2008

Declaração de amor

E ela se vai, sem ao menos dar adeus. Eu a amo tanto, é terrível ter que me separar dela. O tempo até que é pouco, mas já que se trata dela, parece uma eternidade. Ela sempre volta, por enquanto não me preocupa ficar sem ela, pois eu sei que a terei novamente.
Os poucos meses que eu fico com ela são, geralmente, os melhores. Nos divertimos, passamos a noite em claro nos amando. Ela é incrível. Quando está para vir, fico ansioso, só sei fazer esperar, fico a imaginando, tão linda. E quando, finalmente, está diante de mim, eu a abraço e a amo.
Mas o tempo nos pega e ela tem que partir, eu geralmente conto, chateado, os dias que faltam. E a gente se ama mais ainda no final, porque eu sei que vou sentir falta dela. Então a gente passeia juntos, a gente ri, come muitos doces(para quando comê-los novamente, lembrarmos desses dias).
Eu sei que outras pessoas a amam tanto quanto eu, mas isso não me intimida, isso prova o quando ela é boa.
E hoje é o seu último dia comigo, ainda bem que é apenas nesse semestre, ao começar o próximo, ela volta.

Férias, te amo muito.

3 comentários:

wow_hajikero disse...

nha...
as férias acabam e a nova fase começa.

...

beijos, boa sorte!!
te amo

Danny disse...

oi..legal seu blog..bjs

disse...

poizé... fim de férias pra mim também.
é foda né? ruim demais! mas sempre me dá aquela sensação de borboletas no estômago esperando o que vem por aí!
Beijo! ;*