domingo, 2 de março de 2008

O Acaso da Poesia


Ela está lá, simplismente isso. Linda, sorridente, às vezes melancólica, mas isso me atrai. Esconde-se no meio de idas e vindas, nos olhares mais misteriosos, nos sorrisos meigos. Disfarça-se de sóis, luas e flores, mas é sempre a mesma. A gente a chora, a recita, a louva, façamos o máximo, pois sempre ela é muito maior que podemos guardar.















Crédito da foto: Mário Cau

5 comentários:

wow_hajikero disse...

*surta com a foto*
Texto lindo, foto lindo *___*
*surtando*

*____*

Te amo May *-*

Juliana Bonetti disse...

uau *-*

Anderson disse...

*____* OMG você consegue mesclar a foto mais linda de um Pôr do Sol com um texto lindo à altura!

OMG você é demais!!

You are the Best! ^^

beijooooooo te amoooooooooooo

to morrendo de saudades! ^^

Anderson disse...

ps: no coment abaixo... eu não completei a frase xDDD

eu me lamento por não ser um escritor por não poder deixar um comentário à altura de seus textos... ó.ò

beijooo

Mariana Guerra disse...

Sorry, esqueci, a autoria da foto.

Mário Cau.