domingo, 26 de outubro de 2008

Você

Sinestesia, catarse, transcendência
Arrepio
Beijo na nuca
Pensamento
Desenho na areia da praia
Sentimento
Atrito das lembranças
Quase saudade de você.

Uma saudade tatuada
Seu desenho
Reticência sem fim
O fim é o encontro, o toque, o beijo, o abraço
O mar infinito
O doce mar infinito.

O doce, pede mais
Quero mais
Sonho mais
Desejo mais
O mais, o desejo, o mar, vão além
Sempre além
Além mar, mas não infinito
No finito do infinito.

No toque, você
Tudo que na areia da praia se desenha
Pleno de lembranças, de corpos
Corpos, catarse, transcendência
O movimento não tem fim
Como as ondas do mar sem fim
Reticência...

Toque das mãos, dedos que se cruzam, segredos
Braços que aproximam, abrigo
Esconderijo, tesouro
Raro, escondido, camuflado
De buscas, de merecimentos, de tempos
Encontrado.

Poder ficar nu, escancarado
Sem fronteiras
Sem rostos ruborizados
Toque de lábios
Abraços
Palavras ausentes
Tampouco necessárias.
O som do mar cobre tudo em silêncios
Lindo como sempre esteve
Do começo ao fim
Único.


Escrito por Telma no My colorful Word

2 comentários:

Anderson disse...

no texto abaixo, eu li o comentário da Telma e fui conferir no blog dela, e num é que ela tinha razão? ehaueahuaehueah

eu tbm consegui enxergar a menina! eauaehauehueaheauhahuae

e eu fui ver tbm, lá tem um marcador de pessoas ou algo assim que visitam o blog dela... e quando eu entrei escreveu Tokyo arrived from at-afternoon... estranho né? xDDD

nem sou de Tokyo xDD
aeheueahueahueHUAHu

bom hora de comentar sobre o post... xDDD

May!!! eu to gostando muito mais a cada dia dos textos da Telma *__*

Quando eu estiver no Brasil, você apresenta ela pra mim? *___*

Cada coisa perfeita que ela escreve! @__@

beijos May! (L)

Mariana Guerra disse...

Claro que apresentoooo!
A Telma é super legal! Comprimente-a em inglês que ela é mais ainda :D